Suicidios

[Suicidas][bleft]

Torturas

[Tortura][grids]

Caça-fantasmas dá a sua opinião sobre imagens sinistras

Não há como negar que todos nós somos fascinados por alguns mistérios que rolam por aí, como o mundo dos fenômenos inexplicáveis ou paranormais e até a existência (ou não) de seres de outro planeta.

Entre esses fatores, um dos assuntos que encucam muita gente é a aparição de fantasmas em fotografias antigas. Aqui mesmo no Mega Curioso você já pêde conferir alguns artigos com esse tema, como nesta lista ou nesta outra matéria com as imagens produzidas no início do século XX pelo fotógrafo William Hope e sua trupe.

O que realmente intriga as pessoas é que muitas dessas fotografias foram registradas em épocas bastante antigas, em que o computador e seus programas de manipulação de imagens estavam muito longe de existir. Alguns especialistas dizem que são sobreposições ou apenas manchas nos filmes.

Agora, o site australiano de notícias News.com.au consultou um “caça-fantasmas” para tirar a prova e saber se algumas dessas famosas imagens fantasmagóricas são verdadeiras ou falsas.

O especialista no assunto é Rick Burden, que é fundador do site de investigação sobrenatural Ghost Hunters of Australia e Down Under Team Spirit. Ele e sua equipe de 12 pessoas realizam investigações psíquicas, além de oferecer ajuda com qualquer fenômeno paranormal sem explicação e desvendar os mistérios em fotos sinistras. Confira abaixo as histórias das imagens e quais as conclusões reveladas por Burden.

1) Fantasma do bebê no túmulo


Ao visitar o túmulo de sua filha (que morreu aos 17 anos) em um cemitério em Queensland, em 1947, uma mulher tirou esta foto. A história conhecida é a de que, quando o filme foi revelado, ela levou um choque ao ver essa criança na imagem.

Apesar do suposto espírito estar em cima do túmulo de sua filha, ela não reconheceu o bebê. Para o especialista Rick Burden, a imagem é falsa, mas não consta qual a explicação: se foi uma montagem ou mesmo um erro de revelação do filme.

2) O passageiro do banco de trás


Em 1959, um casal foi visitar o túmulo da mãe da esposa, Mabel Chimmery. Antes de voltar para o carro, Mabel bateu uma foto de seu marido, que estava sentado sozinho no carro (pelo menos é o que ele achava).

Ao conferir o filme revelado, a esposa percebeu que havia outra figura no veículo, sentada no banco de trás e que parecia muito com a sua falecida mãe. O especialista Rick Burden tem dúvidas sobre esta e preferiu ficar neutro quanto ao julgamento da veracidade da imagem.

3) A moça na escada


Esta é uma das mais famosas fotos fantasmagóricas difundidas pelo mundo. Conhecida como  "The Brown Lady", a fotografia mostra, supostamente, o fantasma de Lady Dorothy Townshend, esposa do Visconde Charles Townshend de Raynham Hall, que viveu na Inglaterra no início do século 18.

A imagem foi capturada em setembro de 1936 pelo Capitão Provand e Indre Shira, dois fotógrafos que foram designados para fotografar Raynham Hall para a revista Country Life. Dizem que a figura assustadora já foi vista muitas vezes na escada, carregando uma lamparina, sorrindo e parecendo ter seus olhos arrancados. Porém, segundo Rick Burden, esta imagem é provavelmente falsa.

4) O senhor na biblioteca


Em 1891, essa fotografia foi registrada por Sybell Corbet na biblioteca Abbey Combermere, na Inglaterra, durante o funeral do Visconde Combermere, que acontecia em um local próximo. A imagem mostra o que seria um fantasma de um senhor idoso sentado na cadeira grande do lado esquerdo. Na época, muita gente acreditou que se tratava do próprio Visconde. Porém, para Rick Burden, a imagem é definitivamente falsa.

5) A observadora


Em 1959, essa foto foi registrada em Alice Springs, supostamente capturando a imagem do que parecia ser uma figura feminina com um longo vestido, olhando para o matagal. Ela estaria segurando binóculos ou é apenas um truque de luz? Talvez seja uma dupla exposição acidental da impressão na imagem. Segundo Burden, não há informações suficientes para dar o parecer definitivo.

6) O altar e a morte


Esta fotografia foi feita em 1963 pelo Reverendo K.F. Lord na Igreja Newby em North Yorkshire, na Inglaterra. Ele afirma que o local estava vazio quando ele tirou a foto em que aparece uma figura em pé no altar da igreja com um visual de capa escura e face branca.

Supostamente, a foto foi analisada por especialistas que disseram que a imagem não é o resultado de uma montagem com dupla exposição. Mas, para Burden, a imagem é provavelmente falsa.

7) A menina atrás do muro


A mais recente das fotos, esta foi registrada em pelo artista Neil Sandbach, em uma fazenda na Inglaterra onde um casal de namorados estava prestes a se casar. Ele ficou chocado ao descobrir uma figura de pé em um local que ele tinha certeza estava vazio quando tirou a foto.

Os proprietários da fazenda admitiram que haviam visto a figura de uma criança vestida de pijama em várias ocasiões ao redor do celeiro. Segundo o especialista Rick Burden, a imagem é possivelmente falsa.

Como o “caça-fantasmas” realiza o seu trabalho?
Segundo o site de notícias News.au.com, Rick Burden utiliza equipamentos como câmeras de espectro, detectores de sombra, detectores de vibração, gravadores de som, canetas de laser e detectores de campo magnético. Esses itens são geralmente usados para permitir a detecção de um espectro e enfrentar uma aparição.

Quando se trata de fotografias com imagens de fantasmas, Burden afirma que é muito difícil de isso acontecer. "A minha opinião sobre isso é que ainda não temos a verdadeira tecnologia correta para capturar o paranormal em uma base regular. Eu acredito que nós temos a tecnologia parcial, razão pela qual o paranormal pode ser capturado de forma intermitente, mas não completa”, afirma o caça-fantasmas.

Fonte e  links aqui 

Relatos

[Relatos]twocolumns]