31/10/2015

Contos para sentir na própria pele

Resultado de imagem para Contos para sentir na própria pele

No dia 27/10/2015, tive a honra de receber o livro Contos para sentir na própria pele. Confesso que no início, jurava que não iria gostar nem um pouco, maaaaaaaaas não devemos julgar um livro pela capa, certo? E não, a capa não é feia, muito pelo contrário, foi só um modo de dizer mesmo. Minha opinião mudou completamente depois de ter lido a primeira parte ''Carne e Álcool''. Sério, que incrível. E melhor ainda, a trilha sonora! É como se fosse um filme. Apesar de ter apenas um volume AINDA, é um livro extremamente bem elaborado. Fiquei curioso para ler os próximos volumes. Não vou falar muito do livro, quero que vocês leiam para saber o quão incrível ele é. Então, vamos conhecer um pouco do autor:

Anderson Garcez Faccio
Atualmente sou estudante de psicologia. Apaixonado por música e cinema desde que me entendo por gente. Faz tempo que sonho com a oportunidade de escrever roteiros, planejar trilhas sonoras e coisas do gênero. Não tinha pensado sobre o assunto com seriedade até pouco tempo (ainda parece algo distante na verdade).

Desde a infância vivia na biblioteca das escolas e colégios por onde passei. Gosto muito de ler e estudar. Algumas pessoas próximas perceberam que sou bom nisso de expressar ideias em forma de texto, já faz algum tempo. Então estava conversando algumas semanas atrás com uma amiga da faculdade sobre os sonhos que tive e ela perguntou por qual motivo eu não escrevia, que teria público para isso. Logo decidi por em prática o conselho dela e comecei a escrever esse primeiro conto para "ver no que daria".

O processo todo de criação foi muito rápido. Comecei a escrever no dia 17 de outubro e dia 23 já estava sendo lançada uma versão final para venda na Kindle Store, da Amazon. Tudo bem recente ainda: hoje fazem exatamente 10 dias desde que comecei.

Minha primeira proposta seria de escrever um único volume. Contudo, pareceu-me mais eficaz fazer um teste de aceitação para as minhas histórias. Foi por isso que decidi dividir em formato de série. Assim eu teria a oportunidade de espalhar a ideia e ao mesmo tempo continuar desenvolvendo mais conteúdo. O nome que escolhi para este primeiro volume, inclusive, tem essa funcionalidade de simbolizar o "oferecer algo para experimentar quando não se tem conhecimento ainda".

É um pouco disso que eu tive em mente com esse primeiro volume. O que explica também sua brevidade (não são muitas páginas).

Desde então, tenho me envolvido cada vez mais com o projeto de continuar a escrever os próximos volumes e dar visibilidade para a imagem da série. Tenho feito isso de todas as formas que estão ao meu alcance, especialmente com o Facebook e o Instagram. Não obstante, esse meu poder de alcance é muito limitado. Foi então (e finalmente cheguei naquilo que é o motivo do meu contato) que pensei ser uma ótima ideia que um veículo de comunicação respeitável, no mesmo segmento do livro, tivesse acesso à ele.



Sinopse
Degustação não é somente uma narrativa. Trata-se de uma experiência sensitiva.

Acompanhe os pensamentos descritos ao longo de uma sequência de cenas confusas e perturbadoras, que terminam em um final completamente inesperado, por um personagem que pode ser você mesmo.

Tortura, mutilação, sons, muito sangue e medo em descrições detalhadas com precisão. 

Este é o primeiro volume da série Contos Para Sentir Na Própria Pele, planejada para envolver o leitor por completo nas tramas. Incluindo sugestão de trilha sonora para acompanhar a leitura em cada cena.


Você acha que tem fôlego suficiente para experimentar?






Bom, se você tem fôlego suficiente, adquira-o 
Resultado de imagem para amazon logo png

5 comentários:

  1. to querendo dinheiro pra comprar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Preocupa não, entra no aplicativo da Kindle na segunda-feira e adquire de graça! ;)

      Excluir
  2. so de lerTortura, mutilação, sons, muito sangue e medo em descrições detalhadas com precisão. ja fiquei curioso

    ResponderExcluir
  3. eu sou pobre to esperando ficar de graça kkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Pensa em um livro bom, mas muito bom mesmo ❤ Parabéns Anderson!!!!

    ResponderExcluir