Suicidios

[Suicidas][bleft]

Torturas

[Tortura][grids]

Ouça áudio assustador de filha contando como matou a mãe

Uma mulher de 49 anos foi encontrada morta com golpes de faca dentro de sua casa, em São Luís, no Maranhão. Tatiana Albuquerque Cutrim Alves morava com a filha e foi encontrada com perfurações na cabeça, abdômen e braço, além de uma corrente de ferro enrolada no pescoço.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Estefânio Aragão, os principais suspeitos após o crime foram a filha adotiva da mulher, uma adolescente de apenas 14 anos, e o namorado dela, também adolescente, de 16 anos.

A polícia iniciou as investigações com base em relatos de que Tatiana e a garota estavam discutindo com muita frequência nos dias antes do crime. As brigas aconteciam pois a mulher não aceitava o relacionamento da jovem. A princípio, a polícia apurou a informação das brigas com familiares e iniciou uma busca para localizar a dupla e solucionar o caso.

Captura de Tela (149)

As suspeitas do delegado foram confirmadas assim que o casal de adolescentes foi encontrado. Com frieza e tranquilidade, a garota confessou o crime e narrou como cometeu o crime e suas motivações. Ela explicou que tinha raiva da mãe há muito tempo e os problemas aumentaram quando elas começaram a brigar com mais frequência.

Nos relatos, a menina conta que as discussões fizeram com que mãe e filha se tornassem inimigas dentro de casa. As brigas eram tão sérias que as duas não deixava as discussões apenas nas palavras, mas também partiam para a agressão física e trocavam tapas e murros.

Num áudio com a confissão da jovem, ela conta que deu duas facadas na mãe com a ajuda do namorado. Ela ainda revela que tentaram enforcá-la com a corrente, quando perceberam que a mulher já estava morta.



Fonte: Fatos Desconhecidos 

Relatos

[Relatos]twocolumns]