10/04/2017

Atentados a Bombas contra Igrejas Coptas no Egito

Desde a sua criação, ISIS tem se concentrado exclusivamente em matar todos os grupos religiosos, exceto os judeus. Muçulmanos e cristãos, os dois grupos religiosos que os judeus mais odeiam, foram os alvos predominantes.

No passado Domingo de Ramos, pelo menos 47 pessoas, a maioria cristãos, foram mortas por dois atentados no Egito. ISIS reivindicou a responsabilidade pelos ataques

De acordo com o Ministério da Saúde egípcio, a primeira explosão ocorreu na igreja de Mar Girgis, na cidade de Tanta, norte do Cairo, onde a bomba matou 29 e feriu 71. A segunda explosão ocorreu três horas depois em Alexandria, matando 18 e ferindo 35 .



0 comentários:

Postar um comentário